26
nov
28
nov

Fescete Continuidade e Expansão

Com a proposta de tornar o teatro acessível à comunidade, a mostra presencial ‘Fescete Continuidade e Expansão’ oferece, de 26 a 28 de novembro, uma ampla programação a fim de promover o intercâmbio entre artistas e técnicos, além de garantir ações de formação de plateia. O programa traz algumas das montagens estudantis que tiveram destaque na última edição do mais tradicional evento do gênero no País, o Festival de Cenas Teatrais (Fescete), além de espetáculos encenados por grupos teatrais da nossa região. A mostra presencial Fescete - Continuidade e Expansão é uma realização do Tescom com a Secretaria da Cultura (Secult). 

PROGRAMAÇÃO:

- 26/11, às 19h: Exibições de ‘O Som do Silêncio’, do Grupo Arte e Estudo; ‘Memória’, da Cia. Teatral Pé no Palco (Colégio do Carmo); ‘A Loja de Chapéus’, dos Chapeleiros Grupo Teatral; ‘As Lavadeiras’, da Turma de Quinta; e ‘Entre Elas e o Meu’, da Dramatúrgica Oficina.
Local: Teatro Rosinha Mastrângelo (térreo do Centro de Cultura Patrícia Galvão - Av. Pinheiro Machado, 48, Vila Mathias)
Classificação: 14 anos
Valor: R$ 10

- 26/11, às 21h: Exibição de ‘Benjamin – O Filho da Felicidade’, da Cia Trilha de Teatro. A obra aborda a trajetória do primeiro palhaço negro no Brasil.
Local: Teatro Guarany (Praça dos Andradas, 100, Centro)
Classificação: Livre
Valor: R$ 10

- 27/11, às 18h: Roda de partilha com Nelson Baskerville, diretor do espetáculo ‘Casamento de Sangue em Santos’, do Grupo Tescom - seguida de exibição de minidocumentário da peça.
Local: Teatro Guarany (Praça dos Andradas, 100, Centro)
Classificação: Livre
Valor: Gratuito

- 28/11, às 18h e às 20h30: Espetáculo ‘Casamento de Sangue em Santos’, encenada pelo grupo Tescom
Local: Teatro Guarany (Praça dos Andradas, 100, Centro)
Classificação: 14 anos
Valor: R$ 10. Interessados em assistir ao ‘Casamento de Sangue em Santos’ podem pagar via PIX ao Tescom (chave: 13-99111-0722), e enviar o comprovante.

OBS.: Obedecendo as medidas sanitárias vigentes, o público deve estar de máscara. As pessoas acima de 12 anos de idade precisam apresentar documento de identidade original com foto, comprovante de vacinação completo ou passaporte de vacinação digital, ou então ter tomado, ao menos, uma dose da vacina e apresentar um teste de validade de 24 horas (tipo PCR) a 48 horas (testes de antígeno).